A triste história do menino Igor

A triste história do menino Igor

Desculpem-me o desabafo, hoje e me senti muito só. Não existe uma razão nem motivos mas foi uma tristeza que me veio e só consigo. Eu li uma historia que me deixou mal, vou tentar colocar em inglês , e português.

igord

Quantas vezes não temos tempo para parar e amar, e receber o amor que nos é ofertado! Talvez, quando acordarmos, poderá ser tarde demais… mas ainda há tempo! Veja…

Dois irmãos pequenos jogavam vídeo-game, em casa, quando Igor, o mais novo, disse a Eduardo: “Eu te amo muito e nunca quero me separar de você!” O outro, sem lhe dar muita importância, perguntou: “O que deu em você, moleque? Que conversa besta é essa de amar? Quer calar a boca e continuar jogando?” E os dois continuaram jogando.

Anoiteceu. Antonio, pai dos meninos, chegou do trabalho exausto e mal humorado, pois não havia conseguido fechar um negócio importante. Ao entrar, olhou para Igor que lhe sorriu e disse: “Olá, papai, eu te amo e nunca quero me separar do senhor! Antonio, no auge de seu mau humor e stress, falou: “Igor, estou cansado e nervoso, por favor, não me venha com besteiras!”

As palavras ásperas do pai magoaram o menino, que foi chorar no quarto. Janira, mãe do garoto, notou a sua ausência, procurou-o pela casa e o encontrou, no cantinho do quarto, com os olhinhos cheios de lágrimas. Ela perguntou ao filho: “Igor, por que choras? O pequeno olhou para a mãe e, com uma expressão triste, respondeu: “Mamãe, eu te amo muito e não quero nunca me separar da senhora!” Janira sorriu: “Meu amado filho, ficaremos sempre juntos!” Igor sorriu, beijou-a e foi deitar-se.

No quarto do casal, antes de dormir, Janira comentou com o marido o comportamento estranho do filho. Antonio, muito estressado com o trabalho, concluiu: “Esse moleque só está querendo chamar a atenção… Deita e dorme, mulher!” Então, todos se recolheram e dormiam sossegados.

Às duas horas da manhã, Igor se levantou , foi ao quarto do irmão e ficou observando-o dormir. Eduardo, incomodado com a claridade, acordou e gritou: “Seu louco, apaga essa luz e me deixa dormir!” Igor, em silêncio, obedeceu-lhe, apagou a luz e se dirigiu ao quarto dos pais. Chegando lá, ligou a luz e ficou observando-os dormirem. Antonio acordou e perguntou ao filho: “O que aconteceu, Igor?” O menino apenas balançou a cabeça em sinal negativo, nada havia ocorrido. Antonio, bastante irritado, berrou: “O que foi moleque?” Igor continuou em silêncio. O pai foi ainda mais rude: “Então, vá dormir, seu doente!” A criança, sem dizer nada, apagou a luz e retirou-se.

Dois irmãos pequenos jogavam vídeo-game, em casa, quando Igor, o mais novo, disse a Eduardo: “Eu te amo muito e nunca quero me separar de você!” O outro, sem lhe dar muita importância, perguntou: “O que deu em você, moleque? Que conversa besta é essa de amar? Quer calar a boca e continuar jogando?” E os dois continuaram jogando.

Anoiteceu. Antonio, pai dos meninos, chegou do trabalho exausto e mal humorado, pois não havia conseguido fechar um negócio importante. Ao entrar, olhou para Igor que lhe sorriu e disse: “Olá, papai, eu te amo e nunca quero me separar do senhor! Antonio, no auge de seu mau humor e stress, falou: “Igor, estou cansado e nervoso, por favor, não me venha com besteiras!”

As palavras ásperas do pai magoaram o menino, que foi chorar no quarto. Janira, mãe do garoto, notou a sua ausência, procurou-o pela casa e o encontrou, no cantinho do quarto, com os olhinhos cheios de lágrimas. Ela perguntou ao filho: “Igor, por que choras? O pequeno olhou para a mãe e, com uma expressão triste, respondeu: “Mamãe, eu te amo muito e não quero nunca me separar da senhora!” Janira sorriu: “Meu amado filho, ficaremos sempre juntos!” Igor sorriu, beijou-a e foi deitar-se.

Mais sobre a historia aqui

 Site de origem

agwp0791

sad-214977_960_720

d

muscle22

Sorry

8 thoughts on “A triste história do menino Igor

  1. Muito obrigado. Ja eu li (no site de origem) toda a historia completa e vi o nome do senhor que escriveu (Luís Carlos Pez é professor formado em Letras, autor do livro A Motocicleta Azul, diretor de escola estadual e do site Três Passos News) Muto obrigado mais uma vez. cry

  2. Quando se trata de demonstrar carinho, cuidado e amor quase sempre tal gesto é mal compreendido entre menosprezado.
    História comovente e que nos leva a uma difícil reflexão: em meio a vida escolhemos a solidão?

    • ¿Cuántas veces no tenemos tiempo para detenerse y amor, y recibir el amor que se ofrece! Tal vez, al despertar, puede que sea demasiado tarde … pero todavía hay tiempo! Ver …
      Dos jóvenes hermanos jugando videojuegos en el hogar, cuando Igor, el más joven, dijo Eduardo, “Te quiero mucho y nunca me quieren separar de ti!” El otro, sin darle mucha importancia, le preguntó: “¿Qué él le dio, chico? Lo bestia es tanto hablar de amor? ¿Quieres callar y seguir jugando? “Y continuó jugando.
      Se hizo de noche. Antonio, el padre de los niños, llegamos cansados ​​y de mal humor el trabajo, como había sido incapaz de cerrar un acuerdo importante. Al entrar, miraba a Igor que sonrió y dijo: “Hola, papá, te amo y nunca me quiere separar de ti! Antonio, a la altura de su mal humor y el estrés, dijo: “Igor, estoy cansado y nervioso, por favor no me vengas con esa mierda!”
      Las duras palabras de su padre lastimar al niño, que estaba llorando en la habitación. Janira, la madre del niño se dio cuenta de su ausencia, lo buscó la casa y lo encontró en la esquina habitación, con los ojos llenos de lágrimas. Le preguntó a su hijo: “Igor, ¿por qué lloras? Poco mirado a su madre y, con una expresión triste, ella dijo: “Mamá, te quiero mucho y no quiero volver a separarme de ti” Janira sonrió: “Mi querido hijo, que siempre va a estar juntos” Igor sonrió, besó el y se fue a la cama.
      En el dormitorio principal, la hora de acostarse, comentó a Janira extraño comportamiento de su marido del niño. Antonio, muy estresado con el trabajo, llegó a la conclusión: “Este niño está tratando de llamar la atención … acostarse y dormir, mujer” Entonces, todos se reunieron y se durmió tranquila.
      A las dos de la mañana, Igor se levantó, fue a la habitación de su hermano y lo vio dormir. Eduardo, molestado por el resplandor, se despertó y gritó: “! Estás loco, borra esa luz y me deja dormir” Igor silencio le obedecía, apagó la luz y se fue a la habitación de los padres. Una vez allí, encendió la luz y vio a dormir. Antonio se despertó y le preguntó a su hijo: “¿Qué ha pasado, Igor?” El chico se limitó a sacudir la cabeza con un signo negativo, no hubiera pasado nada. Antonio, muy enfadado, gritó: “¿Qué muchacho?” Igor permaneció en silencio. El padre era aún más contundente: “! A continuación, vaya a dormir, que se enferme” El niño no dijo nada, se apagó la luz y se fue.
      Dos jóvenes hermanos jugando videojuegos en el hogar, cuando Igor, el más joven, dijo Eduardo, “Te quiero mucho y nunca me quieren separar de ti!” El otro, sin darle mucha importancia, le preguntó: “¿Qué él le dio, chico? Lo bestia es tanto hablar de amor? ¿Quieres callar y seguir jugando? “Y continuó jugando.

      Se hizo de noche. Antonio, el padre de los niños, llegamos cansados ​​y de mal humor el trabajo porque no había

      Report

  3. The sad story of the boy Igor
    [Sorry for the outburst, today and felt very alone. There is no reason or reasons but it was a sadness that came and all I can. I read a story that left me wrong, I try to put in English and Portuguese.]

    How many times we do not have time to stop and love, and receive the love that is offered! Perhaps, when we wake up, it may be too late … but there is still time! Look…
    Two young siblings playing video game at home, when Igor, the youngest, said Eduardo, “I love you very much and never want to separate me from you!” The other, without giving it much importance, he asked, “What did He give you, kid? What beast is this talk of love? Will you shut up and keep playing?” And they continued playing.
    Night fell. Antonio, father of boys, arrived exhausted and grumpy the work, as had been unable to close an important deal. Upon entering, he looked at Igor who smiled and said, “Hello, Dad, I love you and never want to separate me from you! Antonio, at the height of his bad mood and stress, said: “Igor, I’m tired and nervous, please do not give me that bullshit!”
    The harsh words of his father hurt the boy, who was crying in the room. Janira, the boy’s mother noticed his absence, sought him out the house and found him in the bedroom corner, with eyes full of tears. She asked her son: “Igor, why are you weeping?” The little boy looked at his mother and, with a sad expression, he said: “Mom, I love you very much and do not ever want to separate me from you” Janira smiled: “My beloved son, we will always be together” Igor smiled, kissed the and went to bed.
    In the master bedroom, bedtime, Janira remarked to her husband’s strange behavior of the child. Antonio, very stressed with work, concluded: “This kid is just trying to draw attention … Lie down and sleep, woman!” Then, everyone gathered and slept quiet.
    At two o’clock in the morning, Igor got up, went to his brother’s room and watched him sleep. Eduardo, bothered by glare, woke up and shouted: “You crazy, erase that light and let me sleep!” Igor silently obeyed him, turned out the light and went to the parents’ room. Once there, he turned on the light and watched them sleep. Antonio woke up and asked his son, “What happened, Igor?” The boy just shook his head in a negative sign, nothing had happened. Antonio, very angry, shouted: “What boy?” Igor remained silent. The father was even more blunt: “Then go to sleep, you sick!” The child said nothing, he turned out the light and went away.

    More on the story here:
    http://www.trespassosnews.com.br/noticias/item/216-a-triste-história-do-menino-igor-por-luís-carlos-pez

  4. What’s that woluf ?,you don’t eat spaniels ? Huh ?i don’t understand what’s going on ,where am I ?oh ok that’s not English ,I get it now sorry ! yes inlove dog , but don’t eat dogs anyway there nice animals !

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *